Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Memórias de um passado recente

por vidanapenumbra, em 11.08.09

 

As férias também serviram para relembrar o amor e ver aquelas pessoas que menos esperávamos. Falo concretamente de uma relação (que diga-se de passagem nada fácil). Chamemos-lhe “Andreia”. Lá diz o ditado que “a culpa nunca morre solteira”, e talvez tenha tido culpa (ou não) no terminar desta.
            Na verdade não sei até que ponto se pode considerar “relação”; ambos lutámos (4 meses + IVA) para que assim se mantivesse. A parte dos 4 meses bem juntos dão cerca de 1 e meio e a fracção “IVA” é aquela em que andamos a engonhar até termos uma conversa frontal e dizer “terminou”.
Foi a noite que nos juntou e foi a noite que separou.
Já que falo nisso, nunca cheguei a perceber aquela conversa de “tu foste alvo de muitos jogos aqui dentro”; e na verdade houve muitos acontecimentos nos quais eu até achei que estava a ficar convencido ou andava com a mania da perseguição.
Com tristeza recordo-me como se fosse ontem, da noite em que provocamos admiração, choro e mal-estar em alguns elementos da discoteca por nós frequentada (inclusive em pessoas que estavam a trabalhar e não aguentaram), nessa noite sentir-me usado e confuso porque a “Andreia” olhava nos olhos de quem nos observava “desconsolado” e ria-se como se eu fosse um “troféu”, não satisfeita subiu ao palco da disco com flores e um anel de compromisso; eu no meio daquela situação toda já estava a antever os “capítulos seguintes” e resolvi “esconder-me” mas sempre a ver o que ia acontecer… e quando lá em cima me apresentou como seu namorado eu não estava lá; e acabou por oferecer as flores a uma amiga.
Apercebi-me que havia outros interesses entre eles, amar alguém (acredito); mas ao mesmo tempo que exibia a sua felicidade o objectivo era deitar abaixo outros que num passado a devem ter feito sofrer.
Verdade seja dita que até hoje tenho alguma dificuldade em perceber que tipo de sentimento foi o nosso, terá sido um “jogo”… um sentimento real… uma vingança… ou tudo isso foram apenas coincidências na nossa história? …. Bem não sei, mas pode ser que um dia venha a descobrir a verdade de muitos olhares e atitudes.
Lembro-me com alguma saudade quando passava o dia inteiro (até se tornava “chatinha”) a mandar-me msg’s e a dar dicas do género: “Vai ser uma surpresa como nunca viste”, “Vai ser uma noite muito especial” etc.… e aparecia-me, toda produzida com roupas cheias de brilhantes, que demoravam uma eternidade a fazer, na altura não achava muita piada lol, aliás dizia-lhe muitas vezes que a preferia mais simples sem dar tanto nas vistas. No entanto, era assim que se sentia bem e eu respeitava. Apenas mais tarde (quando rompemos) soube que o fazia para me agradar, pois já havia reparado que algo não estava bem entre nós.
Deixando de falar no que já passou, que isso dava “muito pano para mangas” e não saiamos daqui hoje, quero dizer que entretanto se juntou a outra pessoa, e mais tarde recomeçamos a falar (muito espaçadamente) via telemóvel, e que estas férias sem combinar nada, mais uma vez nos rencontramos… na noite e eu de copo na mão lol.
Soube algumas novidades, que o namoro já havia terminado e que a pessoa que a acompanhava era um pretendente e não iria passar disso mesmo. O mais engraçado (mas sem graça), foi ver o à-vontade com que estávamos que até nos esquecemos do pretendente no bar lol
Não foi com a mesma intensidade e cumplicidade de outrora, mas gostei muito...
É impossível fazer com que no presente os sentimentos sejam iguais aos do passado…
Por outras palavras “É impossível fazer o tempo voltar atrás”

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:34



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D