Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Poema - VNP

por vidanapenumbra, em 03.10.08

 

 

 

 

Abraça-me

 

Abraça-me

Porque tudo deixou de fazer sentido

E sei que ninguem me irá salvar

 

Abraça-me

Como a primeira vez

Como se fosse inocente

Como se fosse o destino...

 

Abraça-me

Ombro amigo

Desespero sem igual

o tempo, a esperança, a cura

 

Nada será igual

Não me digas nada

Apenas abraça-me

 

Abraça-me, e

Não me deixes cair

Sinto que me perdi

Tenho a alma vazia

Tenho a vida derrotada...

 

Vida Na Penumbra - 05/11/2007

 

(nunca pensei publicar este post, no entanto, e na sequência de muitas recordações aqui está ele)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:25


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D

subscrever feeds